Portugal suspendeu privatização de companhia aérea

O governo do arquipélago dos Açores, em Portugal, anunciou ontem (5), a suspensão do processo de privatização da Azores Airlines.

A justificativa para a decisão é a atual situação política da região. Conforme , em novembro de 2022, o edital para o certame seria lançado no início deste ano.

Em nota, as autoridades locais informaram que solicitaram aos conselhos de administração da SATA Holding S/A e da empresa Ilhas de Valor que suspendessem a tramitação do processo até que a situação seja resolvida e que o novo governo regional tome uma posição sobre o assunto.

Em outras oportunidades, em novembro de 2018 e em junho de 2020, as privatizações foram anuladas por diferentes motivos, sendo o mais recente influenciado pela escalada da pandemia de covid-19.

A Azores Airlines é uma subsidiária do Grupo SATA e foi fundada em 1994, como resultado da aquisição de uma companhia de táxi aéreo. Em outubro de 2015, ela passou a adotar o nome atual, operando hoje com oito aeronaves da família A320, da Airbus, fazendo voos regulares para destinos em Portugal, Espanha, Canadá e Estados Unidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *