REVISTA ASAS

AVIÕES, AEROMODELISMO, ESPORTES, DRONES, E NOTÍCIAS

Domingo será de muitas atrações esportivas e culturais no Parque das Nações Indígenas – Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

O próximo domingo (10 de março) promete ser um dia muito especial! A Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Cultura, por meio de sua Fundesporte e Fundação de Cultura, realiza uma série de eventos esportivos e culturais ao longo do dia para a diversão de toda a população.

O dia começa logo cedo, com programação a partir das 7 horas. É a Segunda Edição do Festival de Verão no Parque, no dia 10 de março, a partir das 7 horas, promovida pela Fundesporte.

O evento será repleto de atividades gratuitas como: ioga, Fire bikers kids, capoeira, muay thay, jiu-jitsu, brinquedos, show artístico, canoagem, arco e flecha, fitdance, kung-fu, grupos de corrida, pipas, skate, caminhada orientada, crossfit, entre outras atividades.

O Festival de Verão no Parque também terá a 17° Edição da corrida e caminhada feminina, em comemoração ao Dia da Mulher. O objetivo do evento é proporcionar opções de atividades físicas e de lazer, esportes de participação, bem como momentos culturais no Parque das Nações Indígenas, destinado a todos. 

Para o diretor-presidente da Fundesporte, Herculano Borges, é um momento para toda a família ter a oportunidade de realizar práticas esportivas e atividades de lazer em conjunto. “Nós da Fundesporte nos preocupamos com o esporte do Mato Grosso do Sul e também com o lazer para todas as pessoas. O Festival de Verão no Parque tem o objetivo de unir as pessoas, com atividades voltadas desde as crianças, até as pessoas idosas”, frisa.

O secretário de Estado de Turismo, Esporte e Cultura, Marcelo Miranda, salienta o compromisso em proporcionar eventos que deem atenção à saúde e ao bem-estar da população. “Em um momento em que os índices de obesidade e os problemas relacionados à saúde física e mental nos alertam cada vez mais, é crucial promover um estilo de vida ativo e saudável. Então, o Festival vem de encontro a isso, pensando em oferecer uma variedade de atividades físicas para todas as idades e habilidades, incentivando a população a se movimentar, se divertir e se conectar com a natureza”.

Logo mais tarde, no mesmo dia, Governo do Estado de Mato Grosso do Sul – por meio da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul) e da Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Cultura – e do Sesc MS, promove a primeira edição do MS ao Vivo 2024. Sobem ao palco o Projeto Elllas, abrindo o show, e Margareth Menezes. Os shows começam a partir das 17 horas, no Parque das Nações Indígenas, com entrada franca.

Na avaliação do diretor-presidente da FCMS, Eduardo Mendes, “a abertura do MS ao Vivo 2024 tem um brilho a mais”. “No palco será comemorado o Dia Internacional da Mulher, com dois shows feitos por mulheres da nossa música regional e nacional, além de participações especiais. É dessa forma que queremos levar o projeto esse ano, com muita música, cultura e participação massiva do público”.

Formada por um Trio de mulheres que se destacam na cena cultural sul-mato-grossense, por seu talento, dinamismo e presenças marcantes, ELLAS, a banda que abrirá o show de Margareth Menezes em Campo Grande, tem como estrelas as cantoras e compositoras Erika Espíndola, Marta Cel e Renata Sena. As três juntas, são o retrato da diversidade cultural e da força da mulher que brota e habita o solo de Mato Grosso do Sul.

A escolha de três cantoras locais, para a abertura de um show nacional que acontecerá no dia 10 de março, além de estratégica, pois pretende contemplar o Dia e o Mês da Mulher, enaltece a importância, o talento e a competência das mulheres, promove a diversidade cultural e musical e também valoriza e impulsiona atuais e novos talentos locais.

A cantora baiana Margareth Menezes, com sua voz poderosa e carisma contagiante, é uma das maiores representantes da música brasileira. Com uma carreira consolidada e uma trajetória repleta de sucessos, Margareth encanta plateias ao redor do mundo com sua energia contagiante e seu compromisso em exaltar a cultura e a musicalidade da Bahia.

Nascida em Salvador, Margareth Menezes mergulhou no universo musical desde cedo. Sua paixão pela música afro-brasileira e pelas tradições culturais de seu estado a levaram a explorar uma sonoridade única, que mescla ritmos tradicionais com elementos contemporâneos.

Com uma voz marcante e potente, ela se destaca pela sua interpretação genuína e emocional, transmitindo a essência da música baiana em cada nota. Margareth Menezes ficou conhecida mundialmente com o sucesso “Faraó (Divindade do Egito)”, que se tornou um hino do carnaval baiano e projetou sua carreira para além das fronteiras do Brasil. Desde então, lançou diversos álbuns aclamados pela crítica e pelo público, conquistando prêmios e reconhecimento internacional. Sua discografia é uma verdadeira celebração da cultura afro-brasileira, mesclando ritmos como samba-reggae, axé, samba, ijexá e outros elementos musicais que enriquecem sua obra.

Confira abaixo as atividades do Festival de Verão no Parque:

  • Grupos de corrida e caminhada :  7 horas
  • Alongamento/aula de fitdance: 7 horas
  • Brinquedos: 7 horas
  • Pilates: 9 horas
  • Oficinas de canoagem: 9 horas
  • Oficina de pipas: 9 horas
  • Oficina crossfit: 9 horas
  • Oficina de kung Fu: 9 horas
  • Oficina de capoeira: 9 horas
  • Oficina de skate: 9 horas

Apresentação e oficina de tiro de arco e flecha: 9 horas

Texto: Karina Lima e Bel Manvailer, FCMS e Fundesporte
Fotos: Matheus Carvalho e Maurício Costa Jr.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *